Como “funciona” imóveis na planta?

como funciona imoveis na planta
Passo a passo de como “funciona” imóveis na planta/lançamento.

Hoje, Felipe Santiago, da B4K Imóveis, bate um papo muito interessante com Xavier, superintendente da Lopes, maior imobiliária da América Latina. Passo a passo, vamos destrinchar tópicos importantes sobre o imóvel na planta e o imóvel pronto; esse é o terceiro episódio e você confere agora como foi!

                Felipe, após uma breve apresentação do convidado, pergunta sobre como começa o projeto, “A construtora segue uma tabela de preço?” – “Primeiro, o terreno é escolhido a dedo. Tem que ter metrô por perto, faculdade, hospitais, comércio… Depois é feito um estudo de mercado”, Xavier explica, completando, “… Por isso, quando fazemos o lançamento, normalmente já vende tudo. O público não entende, mas, hoje existe mais procura do que imóveis à disposição.”.

                Sobre o imóvel pronto, que é a especialidade da B4K, Felipe diz: – Você tem que dar de 20% a 30% de entrada e financiar o restante, já no lançamento é diferente…; Xavier completa o pensamento dizendo que no lançamento eles trabalham com trinta a quarenta por cento no período de obras, uma obra tem, em média, trinta e seis meses, três anos. O profissional da Lopes também explica por que as pessoas compram bastante na construção, “Porque é bem facilitado, esse valor de trinta a quarenta por cento é diluído nesses três anos”. Os dois salientam que pagar à vista sempre têm suas vantagens, como desconto nominal e isenção de pagamento do INCC: Índice Nacional do Custo de Construção.

                Pra você que está atrás de um imóvel, a localização é muito importante, “Se você compra um imóvel bem localizado, mais gente quer comprar de você, então esse mercado não para de girar”, nos conta Xavier, que ainda comenta sobre a vantagem financeira, “A renda em imóvel é mais garantida, quem tem três, quatro, cinco imóveis, está bem menos preocupado do que quem tem dinheiro investido só em um banco”.

                Mais além, a conversa inevitavelmente esbarrou no tópico “pandemia”. Xavier nos conta que com ela surgiu uma grande necessidade no ramo, “Agora com as pessoas trabalhando mais em casa, elas querem mais espaço, mais lazer…”, assim fomentando ainda mais o mercado do imóvel já pronto, e acrescenta, “A rentabilidade de você locar seu imóvel aqui pela região do Brooklin é muito confortável, gira em torno de quatro a cinco mil reais mensais. É uma região muito procurada, acesso fácil ao aeroporto, às rodovias, às marginais, a hospitais…”, diz Xavier, deixando claro que o Brooklin é um bairro que está crescendo muito e vai continuar crescendo, “Você pode investir, o mercado não vai parar.”.

                É recomendado assistir ao vídeo na íntegra, pois está cheio de detalhes valiosos e explicações que sanarão suas dúvidas.
                Esse foi mais um episódio do projeto de entrevistas e bate papos da B4K Imóveis, fique ligado para o próximo!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *